O seu esgoto pode valer ouro, literalmente

Os resíduos do seu corpo podem não ser tanto um desperdício como você pensa. Em uma reunião da American Chemical Society, os pesquisadores anunciaram que estão trabalhando em uma maneira de extrair toneladas de metais valiosos do esgoto.

Um estudo publicado na Environmental Science and Technology no início deste ano constatou que os resíduos de 1 milhão de americanos podem conter metal (incluindo ouro, prata, titânio, chumbo e zinco), no valor de até US $ 13 milhões. Com quase 320 milhões de pessoas vivendo nos Estados Unidos, isso é uma mina de ouro substancial – se os cientistas puderem descobrir como peneirar os objetos de valor da “lama”.

Kathleen Smith, do Serviço Geológico dos Estados Unidos, está trabalhando com várias cidades para analisar os resíduos sólidos de metais preciosos, para ver exatamente quanto e que tipos de metais podem ser encontrados em estações de tratamento de águas residuais. Em alguns lugares, a concentração de ouro é aproximadamente a mesma que a quantidade encontrada em um depósito mineral natural.

Como o ouro entra nos resíduos sólidos, para começar? “Há metais em todos os lugares”, diz Smith em um comunicado de imprensa , “em seus produtos para o cabelo, detergentes, mesmo nanopartículas que são colocados em meias para evitar maus odores.”

Trazê-los de volta será a parte mais complicada. Smith e seus colegas estão olhando para a lixívia, produto químico que pode separar o metal dos resíduos. Lixiviados são geralmente terríveis para o meio ambiente, mas Smith e outros pesquisadores esperam que, sendo eles usados ​​apenas nas estações de tratamento de águas residuais, que esses efeitos secundários perigosos possam ser contidos.

“Na outra parte do projeto, estamos interessados ​​em recolher metais valiosos que poderiam ser vendidos, incluindo alguns dos mais tecnologicamente importantes metais, como o vanádio e o cobre que estão em telefones celulares, computadores e ligas”, disse Smith.

Então, em algum momento no futuro, se você disser “meu celular é uma merda”, você pode estar sendo mais preciso do que você imagina.