Categorias
Filmes e Séries

Ms. Marvel Early Buzz: Iman Vellani sobe como o primeiro super-herói muçulmano do MCU

Depois de mais de uma década de sucessos de bilheteria consistentes, tornou-se popular notar que o Universo Cinematográfico da Marvel está expandindo rapidamente o escopo e a escala da franquia. O multiverso, as ameaças cósmicas e os crossovers em abundância tornaram-se expectativas comuns, impostas aos mais recentes sucessos de bilheteria e shows da Disney + na linha de montagem em constante movimento do estúdio. Mas ainda mais importante, os últimos anos viram o MCU ainda predominantemente heterossexual, branco e dominado por homens abrir suas portas para de alguma forma pastagens mais inclusivas. “Capitã Marvel”, “Viúva Negra”, “Eternos” e “Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis” seguiram os passos de “Pantera Negra” de 2018, dando passos maiores para dar ao público uma representação muito necessária em a maior e mais bem-sucedida plataforma de entretenimento do mundo (embora com muito trabalho ainda a ser feito).

O Disney+ também emergiu como um paraíso em crescimento, tanto para personagens coadjuvantes que há muito merecem destaque (olá, Wanda Maximoff, Sam Wilson e mais), além de alguns novos heróis emergentes (bem-vindo ao MCU, Kate Bispo). “Ms. Marvel” cairá perfeitamente nessa última categoria, finalmente dando ao MCU seu primeiro super-herói muçulmano na forma da favorita dos fãs, Kamala Khan. As expectativas permaneceram altas para esta nova série, desde que o projeto foi anunciado e especialmente depois que recebemos nosso primeiro olhar oficial da filmagem.

Finalmente, porém, chegou a hora de alguns críticos e jornalistas sortudos experimentarem os primeiros episódios de “Ms. Marvel” por si mesmos. Com o embargo de mídia social agora levantado, as reações estão surgindo e os fãs ficarão satisfeitos em saber que não são nada além de boas notícias.

Ms. Marvel Early Buzz

Ms. Marvel Early Buzz: Iman Vellani sobe como o primeiro super-herói muçulmano do MCU

Respirem tranquilos, fãs de Kamala Khan! Por todas as contas, a tão esperada adaptação da Marvel do amado personagem de quadrinhos parece ter sido incrivelmente bem. Com os dois primeiros episódios disponibilizados para a imprensa (de um total de 6), muitos sortudos têm uma noção maior de como essa série se desenrolará. Os retornos antecipados, aparentemente, são bastante tranquilizadores. Jeff Ewing, do /Film, pesou, liderando o ataque com elogios ao “desempenho maravilhoso” do jovem ator Iman Vellani. Espere ouvir muito mais de onde isso veio, pessoal.

O proeminente escritor sul-asiático Preeti Chhibber ecoou esses sentimentos, pelo menos com base na estreia da série. Liderada por uma equipe criativa de artistas paquistaneses, “Ms. Marvel” parece ter feito certo em termos de representação adequada. Na verdade, você pode conferir um tópico completo de respostas de Escritores sul-asiáticos e muçulmanos aqui.

Drew Taylor, do The Wrap, faz a primeira de muitas comparações com “Homem-Aranha”, elogiando Vellani junto com as emoções da história.

Perri Nemiroff, do Collider, chama a atenção para alguns casos menores de VFX e falhas de design de cenário, mas dá muito crédito ao “charme” do programa e ao “carisma” de Vellani em compensar essas queixas.

Saloni Gajjar, do The AV Club, destaca especificamente a dinâmica familiar no centro da série, que atinge o equilíbrio perfeito de fundamentar-se na cultura paquistanesa/muçulmana sem torná-la o único foco.

Em outros lugares, vários outros críticos não têm nada além de coisas positivas a dizer sobre “Ms. Marvel” como uma história de amadurecimento de baixo risco, seus floreios estilísticos e, é claro, a fantástica virada de Vellani.

“Ms. Marvel” estreia no Disney+ em 8 de junho de 2022.