Coisas que fazem do ornitorrinco o animal mais bizarro do mundo

O ornitorrinco é um dos animais mais esquisitos do planeta. Além de ser um dos únicos mamíferos que bota ovos, há vários outros motivos que o colocam no topo da lista de animais curiosos.

Para se ter ideia de como ele é esquisito, na época em que foi descoberto, em 1798, uma gravura e uma pelagem foram enviados ao Reino Unido. Mas os cientistas britânicos estavam convencidos de que aquilo era uma fraude e o ornitorrinco não existia. Mesmo depois de ver uma espécie ao vivo, muitos acreditavam que ele podia ter sido produzido por algum taxidermista, costurando um bico de pato no corpo de um animal parecido com um castor.

Veja nessa lista porque o ornitorrinco é o animal mais bizarro do mundo.

1 – Esporões venenosos

Coisas que fazem do ornitorrinco o animal mais bizarro do mundo

Com seu jeito desengonçado, o ornitorrinco pode até parecer inofensivo, mas na verdade ele pode ser bem perigoso. Ele possui um poderoso veneno em suas garras, suficiente para matar pequenos animais. Apesar de não ser suficiente para causar a morte de um humano, ele pode causar uma dor bastante aguda.

2 – Eletrorrecepção

Coisas que fazem do ornitorrinco o animal mais bizarro do mundo

O ornitorrinco é um dos animais “super-poderosos”. Ele é capaz de localizar suas presas detectando campos elétricos gerados por contrações musculares.

Para caçar, ele pouco usa a visão ou o olfato, e sim essa sua incrível habilidade. Além disso, o ornitorrinco pouco caça em terra, apesar de ser um mamífero, se dando melhor caçando na água.

3 – Sem estômago

Coisas que fazem do ornitorrinco o animal mais bizarro do mundo

O estômago serve para dividir alimentos e ajudar na digestão, mas o ornitorrinco tem uma ligação direta entre intestino e esôfago.

Até onde a ciência sabe, os ornitorrincos evoluíram de espécies que possuíam estômago, mas acabou perdendo-o de alguma forma no caminho da evolução.

A melhor teoria é explicada pelo fato de que ele possui uma dieta que não requer uma digestão complexa, então, com o tempo, a espécie evoluiu ao ponto de não ter estômago.

4 – Dentes que não usam

Coisas que fazem do ornitorrinco o animal mais bizarro do mundo

Nossos dentes crescem com o tempo, mas o ornitorrinco faz o caminho contrário. Os bebês já nascem com a dentição, mas os adultos os perdem com o desenvolvimento, chegando à fase adulta sem dentes. Os dentes são substituídos por placas queratinizadas, na mandíbula e na maxila, que crescem continuamente.

5 – Sem mamilos

Coisas que fazem do ornitorrinco o animal mais bizarro do mundo

Os ornitorrincos gostam de ser diferentes. Apesar de serem um dos únicos mamíferos que botam ovos, eles amamentam seus filhotes, como qualquer mamífero. Ou quase isso, já que eles não possuem mamilos.

O leite é secretado por glândulas e liberado por poros, que os filhotes precisam lamber. Funciona mais ou menos como o suor saindo da nossa pele. Um jeito bem estranho de amamentar!

6 – Andar bizarro

Coisas que fazem do ornitorrinco o animal mais bizarro do mundo

Sendo mamíferos e com pernas, seria normal supor que esses animais se dessem bem em terra firme. Na verdade, ornitorrincos andam de forma muito estranha na terra, como se estivessem fazendo um esforço muito grande.

Eles possuem pés de pato, que são ótimos para nadar e mergulhar, mas não para andar. Pobre ornitorrinco.

[Animal Planet]