Categorias
Animes e mangás

Japão: pervertido preso por direcionar menores nas mídias sociais

No Japão, um homem de 32 anos desempregado foi preso por se passar por uma menina da escola primária e por obrigá-lo a enviar fotos nuas de si mesmo para uma menina da quarta série que conheceu nas redes sociais. Motoharu Sato, 32, é suspeito de fazer uma menina de 10 anos da quarta série enviar imagens nuas em seu smartphone em junho do ano passado.

https://www.youtube.com/watch?v=6ZWY5KSiyzk

De acordo com o Departamento de Polícia Metropolitana de Tóquio, Sato posou como uma menina da sexta série e enviou fotos e vídeos nuas para meninas que conheceu nas redes sociais, dizendo: “Estou preocupada com meus seios pequenos. Você pode me mostrar o seu para compará-los? Sato admitiu as acusações após sua prisão, mencionando sarcasticamente: “Não sei por qual garota fui preso, mas acho que fui eu”.

O sujeito também afirmou que havia feito o mesmo com cerca de 50 outras meninas, então a polícia já está investigando cada um desses casos para acrescentar mais acusações aos acusados. A notícia desagradável foi compartilhada em fóruns de comentários no Japão, onde inspirou opiniões como as seguintes:

«”Não sei por que rapariga me prenderam”; o cara é um canalha”; “Não faria mais sentido para uma menina do ensino fundamental se preocupar que seus seios estão crescendo tão rápido? Acho ilógico ele se preocupar que eles sejam pequenos nessa idade»; “As crianças da escola primária ainda são muito novas para as redes sociais”; “A prisão não é um lugar para consertar seus distúrbios sexuais, é apenas um lugar para aumentar seu desejo, para que o crime se repita. A morte é a única saída para os pedófilos»; “Devemos ensinar mais às crianças sobre os perigos da Internet…”

Fonte: TV Asahi News | Japão

Copyright © tv asahi Todos os direitos reservados.